#navbar-iframe { height: 0px; visibility: hidden; display: none; }

quinta-feira, 4 de março de 2010

PRELIMINARES

Caio na estrada mais uma vez... (primeiramente no aeroporto e depois na estrada). Esta viagem é do tipo surpreenda, explico, alguém me surpreendeu com um convite para uma participação especial nas suas férias. Como tinha algumas folgas (finais de semana trabalhados que viraram créditos) aproveitei. E lá vamos nós conhecer um dos destinos maravilhosos do Brasil - os Lençóis Maranhenses.

Toda viagem requer um preparo, claro que dependendo do roteiro este planejamento vai ser maior ou menos. Almyr Klink, por exemplo, que enfrentou solitário a travessia do oceano Altântico, teve que construir um barco especial, levar comida desidratada, organizar um esquema de comunicação e apoio aos possíveis contratempos. Para quem vai a destinos turísticos o planejamento é bem menor, mas é delicioso começara a viajar na viagem despertando o desejo.

Acredito que este tempo de preparação é essencial, são como as preliminares que antecipam e potencializam o prazer de viajar. Lendo os livros e blogs especializados de auto-ajuda a turistas vi que muitos deles têm um capitulo dedicado as recomendações anteriores a viajem, decidi então fazer a minha versão.

• A primeira recomendação é ler tudo que for possível sobre o lugar que vai ser visitado. Para tanto existem os guias de viagem, qualquer boa livraria possui uma secção somente com eles, as revistas especializadas, em todas as bancas e, com a internet, milhares de sites e blogs de viagem.
• Ler dá a certeza de que aquele lugar é aonde você quer ir. Os sedentários jamais devem optar por fazer a pé o Caminho de Santiago, ou viagens nem alguém que não goste de história, decidir ir a uma cidade histórica brasileira.
• Decidido o destino é traçar o roteiro, escolher as cidades ou atrações a visitar.
• Este roteiro tem que ter sempre alguma flexibilidade. Os guias ajudam, mas não podem prever as transformações. Algumas atrações podem ter sido desativadas, ou, outras não previstas podem aparecer alterando o cronograma.
• Um detalhe importante, esta é a época certa para viajar àquele lugar. No nosso caso, quase desistimos quando descobrimos que este não era o melhor momento. Nos Lençóis o ideal é ir após o inverno, quando a chuva formou as lagoas entre as dunas. Estamos nos ariscando, mas era “pegar ou largar”. Se a paisagem não estiver tão bonita, isto nos motivará para retornar.
• Algumas armadilhas da natureza são impossíveis de serem previstas. É o caso, por exemplo, das recentes enchentes no Peru, que surpreenderam turistas no Machu Pich, ou um terremoto como o do Chile (um país maravilhoso, cheio de lugares belíssimos, que fica pertinho de nós brasileiros).
• Outra parte o planejamento é decidir como chegar lá. No nosso caso, e acho que da maioria dos viajantes, inclui também com o melhor custo benefício. Pesquisar qual companhia oferece melhores vantagens, descobrir um hotel ou pousada do seu jeito e ao seu bolso.

Alguns preferem delegar esta parte da viagem aos especialistas, e compram um “pacote” pronto, com um roteiro padrão, hotéis reservados. São as famosas excursões. Elas são práticas e conseguem bons preços e, hotéis e passagens, mas têm suas desvantagens, para mim a maior delas são os “chatos” que temos de aturar, como os famosos compradores, que querem passar todo o tempo nas lojas atrapalhando o desenvolvimento da viajem. Uma opção é aproveitar as vantagens da hospedagem econômica e fazer os seus próprios programas.

Uma opção interessante, para quem não tem muito tempo disponível, é contratar os serviços de um agente de viajem, ele poderá ajudar a traçar um roteiro, passagens, reservar hotéis, providenciar traslados hotel / aeroporto, dar dicas. E viajar com amigos e amores, torna mais fácil decidir e conciliar opções.

4 comentários:

Bergilde Croce 4 de março de 2010 20:38  

Tucha,próprio passando aqui para te desejar antecipadamente um feliz dia mundial da mulher porque estaremos fora durante os próximos dias e me deparo com suas dicas sobre viagem.Amei!Abraço grande,Bergilde

Dalva 4 de março de 2010 22:12  

Excelente dicas, Tucha! Afinal, preparar-se bem para a a viagem faz com que ela seja melhor ainda...

Bjs.

Bel 5 de março de 2010 14:33  

Eita que essa viagem promete...

Quero a reportagem toda depois, viu?

Bjo e divirta-se muuuuuuuuito!!!

Georgia 5 de março de 2010 15:12  

Tucha, nao sabia desses lencois. Conte mais.

Bjao

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO