#navbar-iframe { height: 0px; visibility: hidden; display: none; }

segunda-feira, 22 de março de 2010

O DELTA DAS AMÉRICAS

Lemos no avião, na revista da companhia aérea Gol, uma matéria sobre o delta do rio Parnaíba: ”Uma formação rara, na qual o rio se divide em cinco braços formando um grande triangulo (ou a letra grega delta) antes de atingir o mar. Formação igual a essa do rio Parnaíba só ocorre no rio Nilo, na África, e no rio Mekong, no Vietnã. O espetáculo que se presencia já vale a viagem.”

Ficava geograficamente perto dos Lençóis, e lá fomos pesquisando. Perguntando aqui e ali, ouvimos de Tutóia, portal maranhese do Delta das Américas. Vale dizer que apesar de ter 65% da sua área no Maranhão o delta é sempre lembrado como atração do Piauí, onde estão Parnaíba e Luis Correia, cidades com maior infra estrutura turística.
Descobrimos que existia uma estrada vicinal entre Barreirinhas e Tutoia, e depois daquela viagem maluca, contada do post passado e uma noite bem dormida na Pousada São Vicente, viemos parar na cidade. No dia seguinte partimos num barco com mais dois simpáticos casais para explorar as maravilhas do Delta das Américas.



Nosso piloto conhece bem a área. Nasceu aqui, explorou o mundo como marítimo e voltou as raízes, e agora vive de circular com turistas entre os braços maranhenses do delta: Tutoia, Melancias, Cajú e Canários.

O dia foi redondo nos cenários das exuberantes paisagens do delta. Mergulho nas praias de águas claras, em tons de verde, areia branca das dunas nas ilhas de Melancieiras e do Cajú.Circular por mangues, sentir o cheiro úmido e delicioso, do mar e da vida marítima.Experimentar pegar carangueijos para soltá-los em seguida.

Paramos numa das ilhas num restaurante recém criado e provamos maravilhas em frutos do mar: camarões fritos, peixada, peixe assado. Depois uma rede pra descansar, ao som de pássaros, galinhas e cabras e a sensação de que o “melhor lugar do mundo é aqui e agora".

PS- Bel fiz uma fotos à sua moda.... os pés dizem muito

6 comentários:

Bel 23 de março de 2010 18:21  

Pelo jeito, foram várias fotos à minha moda, né? Só nesse post foram duas... hehehehe

Vocês aproveitaram, e muito! E o melhor: Você está perpetuando as memórias, ao escrever e deixar as fotos!

Bjoooo

Dalva 23 de março de 2010 21:09  

Oi, Tucha!

Que lindeza esses lençóis... tou pegando uma caroninha nessa viagem... rsrsr. Valeu por compartilhar as lindas imagens!

Beijos!

Georgia 24 de março de 2010 05:16  

Tucha, nunca tinha ouvido falar desse triângulo para estes lados. Pois é, já fui no Delta no Egito mas no Brasil ainda nao.

Fiquei com água na boca com esses peixes por ai.

Que viagem essa, maravilhosa!

Bjao

Georgia 24 de março de 2010 05:21  

E o que fazia o casal de idosos? Esqueceu de contar?

Bergilde Croce 25 de março de 2010 07:01  

Tucha seguindo suas narrações dessa maravilhosa viagem e apreciando cada vez mais as paisagens e fotografias publicadas.Da Itália,Bergilde

Diego Borges 30 de março de 2010 01:56  

Eu gostaria muito de poder conhecer melhor minha terra e as belezas que muitos não enxergam, quem sabe um dia não é mesmo? !!!:)
É um prazer conhecer seu espaço!!!
Um grande abraço !!!!!!!!!!!

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO