#navbar-iframe { height: 0px; visibility: hidden; display: none; }

domingo, 12 de julho de 2009

VINHO - 3ª TAÇA

Que o seus lábios me cubram de beijos! O seu amor é melhor que o vinho.

Cânticos dos Canticos
Sim, Salomão tem razão, o amor é melhor que o vinho, mas um pouco da bebida ativa a fantasia e nos deixa "na insanidade exata do amor". Vinhos e beijos são um par perfeito para um bom começo do encontro amoroso.

Muito foi publicado também sobre o poderes terapêuticos do vinho. Os benefícios para o sistema cárdio respiratório foram descobertos na década de 50, através dos estudos populacionais na França, onde, apesar da culinária cheia de molhos gordurosos, o indice de doenças cardiovasculares era menor que outros países ocidentais, este paradoxo foi atribuido ao costumaz uso do vinho nas refeições.

Outro benefício é o poder antioxidante dos polifenóis presentes nas uvas. Estes nutrientes protegem da oxidação das células, causadora do envelhecimento e doenças. O poder relaxante de uma taça de vinho também ajuda a amenizar o estress, certamente induzindo para o bom humor e sendo mais uma ajuda para retardar o envelhecimento.

Outra pesquisa francesa também sugere que o consumo moderado da bebida pode proteger contra o mal de Alzheimer e a demência. Assim, o vinho traz longevidade com qualidade de vida. Quem não quer?

Entretanto, o excessivo consumo de alcool, pode causar dependência. Cada pessoa define a sua medida. Há quem não possa sequer tomar uma taça, pode usar suco de uva. Dentro dessa proposta de consumo moderado, estamos terminando série por aqui, na terceira taça, meu limite, e finalizo com um antigo conselho.


Eu preparo três taças para o moderado: uma para a saúde, que ele sorverá primeiro, a segunda para o amor e o prazer e a terceira para o sono. Quando essa taça acabou, os convidados sábios vão para casa. A quarta é a menos demorada, mas é a da violência. A quinta é a do tumulto, a sexta da orgia, a sétima a do olho roxo, a oitava é a do quebradeira, a nona a do mal hunor e a décima a da loucura.

EUBULUS (355-346 a.C) - A dez taças de vinho

6 comentários:

lili laranjo,  13 de julho de 2009 21:26  

estou a agradecer a visita.
Como V^uma simples concha serviu de elo de ligação.


um beijo

Bel 13 de julho de 2009 23:00  

Adorei! Agora entendi o propósito das taças... e achei a idéia perfeita! Fui procurar o Eubulus no Pai Google, e encontrei essas outras citações sobre o vinho, com certeza vc as conhece:
http://www.academiadovinho.com.br/biblioteca/citacoes.htm

Bjoooo

RAMON(ES) 14 de julho de 2009 08:58  

Verdadeira expert em vinho.

Carlucha 14 de julho de 2009 09:06  
Este comentário foi removido pelo autor.
Carlucha 14 de julho de 2009 09:11  

O equilíbrio é a chave da sabedoria! Sabendo usar com moderação, o vinho é um poderoso aliado... E como vc mesma disse: a uva é indispensável em uma alimentação saudável!Então... " Comamos e bebamos..." SALUTE!! :))

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO