#navbar-iframe { height: 0px; visibility: hidden; display: none; }

segunda-feira, 20 de julho de 2009

ENTRE LIVROS


Arrumar a estante neste final de semana foi quase terapeutico. Descobri entre os livros muito da minha trajetória pessoal e profissional. Eu, multifacetada, curiosa, que me animo com a "novidade" da descoberta, tive nos livros fonte para saciar este constante interesse por desafios.

Meu jeito DDA de ser já se interessou por feminismo, relação homem e mulher, sexualidade, psicologia do desenvolvimento, filosofia, fotografia, cinema, teologia, dinâmica de grupo, educação em saúde, entre outros temas. Sem falar nos livros técnicos, nos guias de viajem, muita literatura de boa qualidade e livros de poesia.

Na última reforma do apartamento, o mestre de obras, Sr, João, contemplando a estante perguntou curioso: A senhora já leu mesmo todos estes livros? Dei uma risada e disse, a maioria deles. Li, aprendi, me diverti, me emocionei, criei, recrei, fundamentei minha prática profissional, o exercício da maternidade, os debates sobre relacionamento. Enfim, muito do que sou vem em parte do que escolhi para ler.

Desde a reforma estou num processo de distribuição, fazendo circular, especialmente porque em breve irei para um apartamento menor e é necessário reduzir volumes. Alguns livros técnicos foram para reciclagem ( o conhecimento na minha área é "datado"), outros, que já não me interessavam tanto, formam doados a um projeto existente no meu bairro chamado "Ler na praça". Até Sr. João levou alguns exemplares de literatura infanto juvenil para os seus fillhos.

Fico feliz quando percebo que, mesmo em tempo de intenet, o interesse pela literatura permanece. Circulando pela blosfera encontro inúmeros blogs com leitores comentando sobre o que estão lendo, e exercitando também a escrita em poesias, contos. A palavra agora tem novos suportes, voa no ciberespaço e vai longe. Certemente os meus netos não terão uma estante cheia de livros acumulando pó, como a minha, mas vão continuar sendo bons leitores.

9 comentários:

Nadja Reis 20 de julho de 2009 23:54  

A internet é uma aliada da literatura,ao meu ver muito poderosa!



Gostei daqui.


:)

Carlucha 21 de julho de 2009 08:36  

Ler é uma viagem que podemos fazer sem sair de casa! Triste daquele que nunca experimentou...

Bel 21 de julho de 2009 11:38  

Ai ai, que seria de mim sem os livros? E ainda hoje, mesmo com a internet, continuo amiga deles. (Agora tem os e-books, que ajudam muito, em tempo de vacas magras...)

Bjooo

Sandra 22 de julho de 2009 01:43  

Oi minha linda!

Tem um presente muito especial na Cruriosa e no Blog Uma interação de amigos. Passe lá e pegue. Principalmente o seu chapeu de seguidor.
com muito carinho
Sandra

- Morenay Flor - 22 de julho de 2009 14:30  

Olá.. de mudança.. eu também!!
fiz a mesma coisa ontem.. ajeitei os livros.. chamei amigos queridos que quisessem... enfim... mudanças são necessárias.. não é?
boa semana pra ti

Gisele Amaral 23 de julho de 2009 11:35  

Que leiturinha gostosa. E que tema maravilhoso. Chega a ser uma coincidência! Neste fim de semana estive arrumando meus livros nas prateleiras também, mas não cheguei a fazer uma reflexão sobre a vida, mas escolhi alguns títulos para releitura. E nunca é demais reler algumas coisas, enfim.

Um beijo, flor.
Adorei aqui.
=*

Henrique Hemidio 24 de julho de 2009 01:43  

Que saudade dos meus livros...

Éverton Vidal 24 de julho de 2009 17:14  

Que massa. Adoro arrumar livros. Quando vou pra casa no fim do ano é a primeira coisa que faço e sempre encontro alguma coisa boa pra reler ou mesmo só ver rs.

Legal seu blogue!!!
Inté!

Nadja Reis 24 de julho de 2009 19:09  

Só passando pra agradecer a sua visita lá no blog,volte sempre que desejar...


bjos

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO