#navbar-iframe { height: 0px; visibility: hidden; display: none; }

quinta-feira, 4 de junho de 2009

JUNHO

EU SEI QUE É JUNHO, O DOIDO E GRIS SETEIRO
COM SEU CAPUZ ESCURO E BOLORENTO
AS SETAS QUE PASSARAM COM O VENTO
ZUNINDO PELA NOITE, NO TELHEIRO


EU SEI QUE É JUNHO, ESSE RELÓGIO LENTO
ESSE PUNHAL DE LESMA, ESSE PONTEIRO,
ESSE MORCEGO EM VOLTA DO CANDEEIRO
E O CHUMBO DE UM VELHO PENSAMENTO


EU SEI QUE É JUNHO, O BARRO DESSAS HORAS
O BERRO DESSES CÉUS, AI, DE ANTI-AURORA
SE ESSAS CISTERNAS, SOMBRA, CINZA, SUL
E ESSES AQUÁRIOS FUNDOS, CRISTALINOS
ONDE VÃO SE AFOGAR MUDOS MENINOS
ENTRE PEIXINHOS DE GELÉIA AZUL

Alceu Valença – Junho

PS - a foto é de Adenor Gondim. um fotógrafo baiano, fantástico.

2 comentários:

VaneideDelmiro 12 de junho de 2009 01:30  

Essa música é linda! Alceu, genial por captar as nuances de junho.

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO