#navbar-iframe { height: 0px; visibility: hidden; display: none; }

sexta-feira, 19 de junho de 2009

AS CANÇÕES

Desde que o homem dominou a tecnologia das gravações e pode reproduzi-las as melodias são cada vez mais presentes em nossas vidas. Dos velhos e pesados gramofones dos nossos bisavós, aos nossos leves e práticos Ipod ela está conosco.

Há canções e há momentos
Em que a voz vem da raiz
Eu não sei se quando triste
Ou se quando sou feliz
Eu só sei que há momentos
Que se casa com canção.
(Milton Nascimento / Fernando Brant)

Cada um de nós seleciona a sua trilha sonora, nos CDs que compra, nas rádios que escuta e dessa forma vamos buscando casar momentos e canções. Para que servem afinal as canções? Expressar alegrias, tristezas, declarar amor, consolar de amores não correspondidos. Servem até pra responder essa pergunta.

Uma canção é prá acender o Sol
No coração da pessoa
Prá fazer brilhar como um farol
O som depois que ressoa...
Uma canção é prá trazer calor
Deixar a vida mais quente
Prá puxar o fio da paixão
No labirinto da gente...
Samuel Rosa / Chico Amaral

Servem também apoio as lutas coletivas. A minha geração que enfrentou os anos de chumbo, teve em canções como Apesar de Você, Pra não dizer que não falei de flores... entre outras seus hinos de luta. Hoje, outras tantas, denunciam a violência, discutem a cidadania, refletem sobre as questões ecológicas.

Pra clarea a escuidão
Que o mundo encerra
Prá balançar
Prá reunir o céu e a terra...
Uma canção é prá fazer o Sol
Nascer de novo
Prá cantar o que nos encantou
Na companhia do povo...
Prá consertar
Prá defender a cidadela
Prá celebrar
Prá reunir bairro e favela.
(Samuel Rosa / Chico Amaral)

Escute as canções e cante, mesmo que seja como eu, desafinada, afinal também temos um coração de bate ritmado, uma mão que batuca, uma boca que assovia... e assim talvez nem seja exagerado dizer que vida é música.

7 comentários:

Henrique Hemidio 20 de junho de 2009 18:27  

Através do seu blog ontem eu conheci uma pessoa maravilhosa

essa internet...

Nely 21 de junho de 2009 05:01  

Passeando pela musica...
Musica é um pouco de tudo e por isso é...VIDA!
Beijo com...Arrepio na pele.

Wania 21 de junho de 2009 11:41  

Oi, Tucha!
A música é mesmo uma coisa mágica. Mexe com todos os nossos 5 sentidos, pode exprimir mil razões e nos transporta em segundos para o passado sem nos tirar do presente!
Feliz de quem tem sensibilidade para usufruir tudo que ela nos proporciona!
Bonito post!

Belo cantinho este seu.
Voltarei mais vezes aqui.
Bjs.

james p. 21 de junho de 2009 11:56  

Tucha,belo post.Adoro o Skank também.
A música é mesmo objeto de primeira necessidade.
Abraços.

Mari Amorim 21 de junho de 2009 14:29  

olá!
A música é a fotografia de nossa alma,
Adorei,também soltei o som.
Boas energias
Mari

Nanda Botelho 21 de junho de 2009 15:04  

Prazer em conhecer sua... lua!
Que linda! E o nome do seu blog combina com o meu: Múltiplas Realidades com 50 possibilidades...

Concordo com vc de vez em quando coloco uma letra de música lá no blog e digo: cantem a plenos pulmões!

Para mim elas também servem para elevar a alma!

Bjão! Também estou participando!

Tempestade 21 de junho de 2009 20:31  

Tucha,
E temos uns pés que balançam a quaisquer sons.
Lindo seu texto.
Beijos Tempestuosos!

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO