#navbar-iframe { height: 0px; visibility: hidden; display: none; }

terça-feira, 19 de julho de 2016

SANTIAGO DO CHILE - IDEIAS E SUGESTÕES

O lugar que escolhemos para nos hospedar numa cidade muda completamente a relação com ela. Mesmo que por um tempo breve, a escolha pode influenciar de circular e de vivenciar estar ali. Ler experiências ou sugestões de outros viajantes, assim como ter claro o que deseja na cidade ajuda a eleger onde ficar.  Nos ajudou escolher a hospedagem em Santiago, o site Viaje na viagem.


Há três anos, ficamos na Providência, um bairro gostoso, com bom acesso de transporte público, parques, restaurantes. Querendo experimentar a cidade em outro ângulo, optamos dessa vez pela região mais central, próxima ao cerro Santa Lucia.


Queríamos explorar o centro histórico, o bairro Bellavista e pudemos fazer tudo isso caminhando. Ficamos exatamente no bairro Lastarria, que concentra bons restaurantes e bares, perfeito para sentir a vibração noturna da capital chilena.

O QUE FAZER

O roteiro básico do brasileiro por aqui é destinar um ou dois dias para a cidade de Santiago, outro para as vinícolas, visitar Valparaíso e Viña del Mar e, se for inverno, ir conhecer a neve na montanhas. Mas acreditamos que é possível explorar mais a cidade e arredores.


Nossa sugestão é que você organize seu roteiro lendo bastante sobre a cidade e adequando-o aos seus interesses. Faça muita coisa caminhado, parando, tomando um café, contemplando, assim vá descobrindo o que lhe dá alegria. Um ponto positivo é que a cidade é segura e os chilenos são simpáticos e disponíveis para dar informações.

No nosso caso, chegamos no sábado à noite e optamos por começar com um domingo no parque. Fomos até o Cerro San Cristóbal e desfrutamos de uma das mais belas vistas da cidade com a cordilheira dos Andes ao fundo. Uma pena que a poluição tenha comprometido a visibilidade.

Para chegar em cima, podemos ir caminhando, de bicicleta ou usando o funicular, uma espécie de bonde que sobe numa estrutura de trilhos. Usamos o bondinho. 

Encontramos muitas pessoas passeando, correndo, pedalando aproveitando a estrutura do Parque Metropolitano de Santiago. Além da estátua e Igreja dedicada a Nossa Senhora da Imaculada Conceição, o mirador mais famoso existem outras opções a explorar: Jardim Zoológico, jardins, piscinas, trilhas e miradores.

Experimentamos uma bebida famosa por aqui Mote con Huessilos. A receita é simples: uma chá feito com grãos de trigo cozidos, pêssegos desidratados contados em quadradinhos e uma aroma de canela. É servido frio, com uma colher que serve para “pescar” o trigo e o pêssego no copo. Revigorante.


Que optar por conhecer o Cerro pode aliar o passeio a visita a uma das casa museu de Pablo Neruda (vamos falar sobre elas em outro post) e depois almoçar num dos muitos restaurantes do bairro Belavista: Azul Profundo, Como água pra chocolate. 

Outras opções de restaurantes estão no Pátio Bellavista, onde encontramos também lojinhas com lembranças típicas. A decoração do ambiente vale a visita.


E para completar o dia, encontramos grande alegria pelas ruas, o time chileno, vencedor da Copa América, iria desfilar em carro aberto e as pessoas com bandeiras aguardavam os jogadores com festa.


1 comentários:

Ramon Prates 26 de julho de 2016 14:00  

Genial a foto da criança no final e ótimas dicas, gostei.

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO