#navbar-iframe { height: 0px; visibility: hidden; display: none; }

domingo, 3 de julho de 2011

FESTA NA BAHIA

Festa na Bahia, uma folia cívica. Nenhum estado brasileiro comemora a Independência do Brasil com tanto entusiasmo quanto o nosso. Não celebramos apenas no sete de setembro, como nas outras regiões, mas especialmente no dois de julho, data da expulsão das tropas portuguesas de Salvador em 1823.

Temos motivos para comemorar, por aqui as lutas pela independência foram para valer, duraram um ano e cinco meses, estiveram envolvidos 16.000 homens, só do lado brasileiro e morreram centenas de pessoas.



Após a expulsão do Rio de Janeiro, os portugueses haviam concentrado aqui seus recursos militares. Dominando a Bahia tinham como objetivo dividir o Brasil, o sul e sudeste ficariam com o príncipe regente D. Pedro, o Norte e o Nordeste permaneceriam portugueses. A coragem e a resistência destes bravos heróis decidiu a unidade nacional.

A alegria de comemorar o heroísmo do passado permanece. As celebrações se iniciam dias antes em Cachoeira e passam por outras cidades do recôncavo, até a chegada a Salvador. No dia da grande festa o cortejo parte do bairro da Lapinha e prossegue pelo Centro Histórico, pelo percurso, os moradores enfeitam suas casas, reúnem os amigos. Os carros principais do desfile levam o Caboclo, símbolo do sentimento nativista, matando uma serpente, representando a tirania portuguesa daquela época.







O desfile é também um espaço de visibilidade politica e de protesto, como é o caso deste grupo, defendendo os direitos da mulher com muito bom humor.

Um outro costume é vestir-se, como os heróis da independencia. Na foto estou com uma Maria Quitéria.



Finalizo com detalhe do carro do Cabloco e da Cabloca e o convite para que participem da festa no proximo ano.


A qualidade das fotografias não está bom porque a minha máquina "morreu" e fiz as fotos com o celular.

3 comentários:

RAMON(ES) 4 de julho de 2011 19:15  

Curti as fotos.
Vou sentir falta desse feriado, pelo menos esse ano caiu num sábado.
ehehehehhe

Vanessa 5 de julho de 2011 12:51  

Que festança!

Como vc participou da primeira edição de Solta do Som, em 2009, passei para convidar a falar sobre música mais uma vez . Solta o Som 2

abraço

Georgia 6 de julho de 2011 13:24  

Marta, que maravilha essa festa de rua. Eu adoro isso. Pois, é qdo o povo aproveita para manifestar suas alegrias ou aquilo que anda intalado na garganta.

Adorei as fotos.

Vc de Maria Quitéria está divina, rs.

Bjao

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO