#navbar-iframe { height: 0px; visibility: hidden; display: none; }

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

NATAL

Hoje é o meu aniversário. Chegam pelo telefone, e-mail, mensagens do facebook e ao vivo bons desejos dos amigos. Bom estar vivo e receber esta energia dos queridos. Agradeço a graça de ter amigos, são eles que dão sentido a vida, como disse o poeta somos feitos para lembrar e sermos lembrados.


Escolhi o Poema de Natal, de Vinicíus de Moraes, apesar de um pouco triste, é o meu poema favorito. Prossigo com ele a série de postagens de Natal. Para fazer um contraponto escolho a pintura colorida de Djanira.


POEMA DE NATAL

Para isso fomos feitos:
Para lembrar e ser lembrados
Para chorar e fazer chorar
Para enterrar os nossos mortos –
Por isso temos braços longos para os adeuses
Mãos para colher o que foi dado
Dedos para cavar a terra.

Assim será a nossa vida:
Uma tarde sempre a esquecer
Uma estrela a se apagar na treva
Um caminho entre dois túmulos –
Por isso precisamos velar
Falar baixo, pisar leve, ver
A noite dormir em silêncio.

Não há muito que dizer:
Uma canção sobre um berço
Um verso, talvez, de amor
Uma prece por quem se vai –
Mas que essa hora não esqueça
E por ela os nossos corações
Se deixem, graves e simples.

Pois para isso fomos feitos:
Para a esperança no milagre
Para a participação da poesia
Para ver a face da morte –
De repente nunca mais esperaremos...
Hoje a noite é jovem; da morte, apenas
Nascemos, imensamente.

4 comentários:

Bel 22 de dezembro de 2010 12:38  

Droga! De novo eu deixei passar o dia certo de dar os parabéns!!!

Minha sorte é que vc compreende bem que não é falta de importância, mas falta de sei lá qual hormônio no cérebro que... ah, hist´poria conhecida essa, deixa pra lá!

Mas meu desejo pra você é de um ano especialmente feliz, com tudo de melhor!

Beijoooooo

Fatima Cristina 22 de dezembro de 2010 19:30  

Feliz aniversário Tucha!
Tudo de bom!

Marcos Monteiro 22 de dezembro de 2010 20:13  

Tucha parabéns pela vida, pelo blog e pelo prazer que nos oferece com sua sensibilidade inteligente. Gosto muito de tudo que você traz, gostei da exposição sobre Escher e da frase Lygia Fagundes Teles que você deixou no blog... Que bom que você exite... continue, por favor... Um grande e carinhoso abraço.

Magda Beatriz 24 de dezembro de 2010 06:04  

Oi Tucha...Vim parar aqui no teu blog por acaso...Parabéns pelo teu aniversário...eu fiz dia 22...rs.Seu blog ta muito show...adorei!
Se puder dê uma passadinha la no meu...
http://mbeatriz.webnode.pt
Beijos e até a próxima!

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO