#navbar-iframe { height: 0px; visibility: hidden; display: none; }

segunda-feira, 19 de julho de 2010

O AMOR E AS CANÇÕES - ENCANTAMENTO

O sujeito apaixonado vive cada encontro com o ser amado como uma festa.
Roland Barthes
Esta alegria do apaixonamento se reflete nas canções. Escolho um clássico da música popular brasileir, Carinhoso, de Pixinguinha, aqui cantada por Mariza Monte e Paulinho da Viola. Somente estando apaixonado se pode escrever uma letra tão incrível.



Leve e gostosa é a declaração de Sorte, de Ronaldo Bastos e Celso Fonseca, escolhi a versão cantada por este último, sem a sofisticação do arranjo da intepretação de Gal Costa, mas com a leveza do voz e violão.


Vivo dias tão felizes quanto aqueles que Deus reserva a seus eleitos; e aconteça o que acontecer não poderei dizer que não provei das mais puras alegrias da vida.

Werther - selecionado por Roland Barthes - em Fragmentos
de um Discurso Amoroso.

2 comentários:

Elcio Tuiribepi 19 de julho de 2010 22:51  

Oi Tucha, um post musical, embalado por corações apaixonados...
Música é muito mesmo momento e significa e aneira emocionante esse encontro...
Bela postagem...
Um abraço na alma
Beijo

Dan 1 de agosto de 2010 10:51  

Oi Tucha,


Este dueto é lindo, tenho no disco do Paulinho, muito legal. Grande lembrança.

Abraços

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO